Policiais civis cumprem hoje (6) dez mandados de busca e apreensão contra um grupo criminoso suspeito de matar o candidato a vereador em Nova Iguaçu Domingos Barbosa Cabral. O político foi assassinado no dia 10 de outubro.

A Polícia Civil investiga se a morte tem relação com a disputa entre milícias pelo controle das comunidades da Baixada Fluminense, já que o candidato era irmão de um policial militar preso em julho, por suspeita de chefiar um grupo miliciano.

Além de contribuir para a investigação sobre o homicídio, a Polícia Civil busca elementos que indiquem a participação de milícias nas eleições, por meio do financiamento das campanhas de alguns candidatos.

Um dos alvos da operação de hoje (6) é um candidato a vereador apoiado pela milícia que atua na região.

– Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil – YWD 10985