O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), teve inflação de 3,68% em outubro. A taxa é superior aos 3,30% observados em setembro. Com o resultado, o IGP-DI acumula taxas de inflação de 19,02% no ano e de 22,12% em 12 meses.

A taxa do IGP-DI tem sido puxada pelo aumento dos preços das matérias-primas brutas, que subiram 6,78% no mês.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede a variação de preços do atacado, teve inflação de 4,86% em outubro, acima dos 4,38% de setembro. Outro subíndice que teve alta na taxa foi o Índice Nacional de Custo da Construção, que passou de 1,16% em setembro para 1,73% em outubro.

O Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, por outro lado, teve queda na taxa: ao passar de 0,82% em setembro para 0,65% em outubro.

– Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil – YWD 11032