O derby paulista entre Corinthians e Palmeiras definirá um dos finalistas desta edição da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Nesta segunda-feira (2), na Neo Química Arena, o Timão voltou a superar o Grêmio, desta vez por 2 a 1, assegurando lugar na semifinal. O adversário será o Verdão, que eliminou a atual campeã Ferroviária no domingo (1), nos pênaltis.

As alvinegras foram a campo com a vantagem de terem vencido na Arena do Grêmio por 3 a 0, no último dia 25. Até uma derrota por dois gols de diferença classificaria as corintianas. Ocorre que, do ano passado para cá, o time paulista só perdeu duas vezes, com um intervalo de 48 jogos de invencibilidade entre as partidas. Um retrospecto que dava a dimensão do quão dura era a missão gremista.

O Corinthians dominou as ações ofensivas na primeira etapa. Aos seis minutos, a lateral Yasmin cobrou falta da intermediária e a bola passou rente a trave. Aos 29, Gabi Zanotti recebeu cruzamento pela direita e acertou uma bicicleta por cima do gol. No minuto seguinte, a meia não ficou no quase. Ela recebeu de Yasmin na entrada da área, girou e bateu cruzado.

Golaço de um lado, golaço de outro. Aos 37, a atacante gremista Eudmilla viu Lelê adiantada e encobriu a goleira, empatando o jogo. Mas aos 45, Gabi Zanotti recuperou a bola ainda no campo tricolor e rolou para a meia Andressinha, que encontrou Tamires – que é lateral de ofício, mas atua como ponta esquerda no Timão – às costas da zaga para finalizar e recolocar as alvinegras na frente.

No segundo tempo, o Corinthians administrou o resultado, dando pouco espaço para o Grêmio respirar e pelo menos tentar o empate. As melhores chances foram justamente do Timão, que só não ampliou a vantagem porque a goleira Raíssa, do Tricolor, fez pelo menos três boas defesas. Uma delas em cobrança de pênalti da atacante Gabi Nunes.

Confira aqui a tabela do Campeonato Feminino de Futebol.

– Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – YWD 10647